CNT diz que Petrobras mente sobre reajustes e critica proposta do governo

A Confederação Nacional dos Transportes (CNT) divulgou nota criticando duramente a política de reajustes quase diários dos combustíveis pela Petrobras, onde afirma que a estatal mente ao tratar do assunto; CNT também criticou a proposta do governo Michel Temer de zerar a Cide do óleo diesel, alegando que o impacto sobre o preço final do combustível será mínimo

Planta Experimental de Biodiesel
Planta Experimental de Biodiesel (Foto: Paulo Emílio)

247 - A Confederação Nacional dos Transportes (CNT) divulgou nota criticando duramente a política de reajustes quase diários dos combustíveis pela Petrobras, além de afirmar que a estatal mente ao tratar do assunto. A CNT também criticou a proposta do governo Michel Temer de zerar a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) do óleo diesel, alegando que o impacto sobre o preço final do combustível será mínimo.

De acordo com a CNT, a Petrobras atua de forma desproporcional quando atrela seus preços às cotações internacionais do petróleo, uma vez que os custos de suas refinarias são internos, não dependendo das oscilações do mercado internacional. do mercado internacional.

Ainda segundo a nota da CNT, as transportadoras não podem ser responsabilizadas pela ineficiência da de transporte diz que transportadores não podem responder pela ineficiência da companhia e nem pelos casos de corrupção envolvendo estatal. cia da estatal e pelos escândalos de corrupção que ocorreram na empresa.

Manifestação da CNT acontece durante o terceiro dia de protestos feito pelos caminhoneiros contra a alta no preço dos combustíveis e que ameaça o abastecimento em várias cidades do país.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247