Com faixa de Marielle, Movimento Negro interrompe homenagem a Princesa Isabel na Câmara

Integrantes do Movimento Negro ocuparam o plenário da Câmara Federal e interromperam na manhã desta terça-feira (14) a sessão solene proposta pelos deputados Eduardo Bolsonaro e Luis Phillipe de Orleans e Bragança, do PSL/SP, em homenagem à Princesa Isabel pelos 131 anos do ato sancionada pela monarca que oficializou a abolivação da escravatura

Com faixa de Marielle, Movimento Negro interrompe homenagem a Princesa Isabel na Câmara
Com faixa de Marielle, Movimento Negro interrompe homenagem a Princesa Isabel na Câmara (Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados)

247 - Integrantes do Movimento Negro ocuparam o plenário da Câmara Federal e interromperam na manhã desta terça-feira (14) a sessão solene proposta pelos deputados Eduardo Bolsonaro e Luis Phillipe de Orleans e Bragança, do PSL/SP, em homenagem à Princesa Isabel pelos 131 anos do ato sancionada pela monarca que oficializou a abolivação da escravatura.

Com faixa com o rosto da vereadora Marielle Franco (PSol/RJ), assassinada por milicianos no Rio de Janeiro, e gritos de "parem de nos matar", os integrantes do movimento negro entraram no plenário durante a sessão. Os apoiadores da homenagem chamaram a manifestação de "vitimismo" e "mimimi".

Leia a íntegra da matéria no Portal Forum

Ao vivo na TV 247 Youtube 247