Comissão de Finanças da Câmara aprova convocação de Paulo Guedes

Comissão de Finanças e Tributação aprovou a convocação do ministro da Economia, Paulo Guedes, após ele se ausentar novamente de uma audiência para discutir os impactos da reforma da Previdência; "Guedes é esperado desde abril e, nada de aparecer. Tentamos ser elegantes mantendo o convite, mas "diante do desrespeito, agora é na força",  afirma o deputado federal Fernando Monteiro (PP-PE), autor do requerimento

Comissão de Finanças da Câmara aprova convocação de Paulo Guedes
Comissão de Finanças da Câmara aprova convocação de Paulo Guedes (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

247 - A Comissão de Finanças e Tributação (CFT) aprovou requerimento de convocação do ministro da Economia, Paulo Guedes, após ele se ausentar de uma audiência com o colegiado para discutir os impactos da reforma da Previdência marcada para esta quarta-feira (8). "Guedes é esperado desde abril e, nada de aparecer. Tentamos ser elegantes mantendo o convite, mas "diante do desrespeito, agora é na força. Em tempo: quem é convocado é obrigado por lei a comparecer", afirma o deputado federal Fernando Monteiro (PP-PE), autor do requerimento de convocação.

"Nossa expectativa era de recebê-lo em abril. Fomos convencidos a adiar o convite para maio, e agora ele propõe adiar a audiência para 12 de junho, daqui mais de 30 dias", completou o parlamentar em nota. Guedes justificou a ausência alegando que já irá ser sabatinado pela Comissão Especial que analisa a reforma da Previdência.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247