Confira os locais dos protestos contra Bolsonaro

Nesta sexta-feira (10), às 17 horas, a luta pelo Fora Bolsonaro terá ações em 20 estados do país, organizada por entidades dos movimentos sociais. Confira os locais

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

CUT -  Com o isolamento social, devido à pandemia do coronavírus, as pessoas estão encontrando novas maneiras de protestar e reivindicar direitos. Nesta sexta-feira (10), às 17 horas, a luta pelo Fora Bolsonaro terá ações em 20 estados do país, com aproximadamente 80 manifestações, organizadas pela Central de Movimentos Populares (CMP) e pela União Nacional por Moradia Popular (UNMP). (Veja abaixo alguns locais onde ocorrerão ações nas periferias). 

As manifestações  ocorrerão nas casas, comunidades, associações, conjuntos populares,  ocupações, favelas, bairros das periferias. A ideia é protestar em pequenos grupos respeitando as regras de isolamento social, com cartazes e apitos, simultaneamente. Além do mote Fora Bolsonaro, as manifestações também irão reivindicar direitos, como moradia, saúde, renda, alimentação, água e esgoto tratado. 

As atividades compõem a “Jornada Nacional pelo Fora Bolsonaro”, nos dias 10 e 11 de julho, promovida por diversas frentes, partidos políticos e segmentos que têm o Fora Bolsonaro como bandeira de luta. A CMP e UNMP são signatárias de um dos pedidos de impeachment do presidente da República. 

Com a nova forma de protesto, as pessoas não se deslocam para um único local, uma praça ou avenida, mas se reúnem no próprio bairro, em pequenos grupos e ao mesmo tempo. 

Bolsonaro precisa ser afastado da Presidência por ter cometido crime de responsabilidade e atentado contra a saúde e a dignidade humana. Para Raimundo Bonfim,  coordenador nacional da CMP,  “a luta pelo Fora Bolsonaro precisa ser assumida pela classe trabalhadora e pelos movimentos   populares. Por isso faremos essas dezenas de ações nas periferias do país".

Leleco Pimentel, da direção nacional da UNMP, afirma que "somente com pressão popular derrubaremos esse governo genocida e antidemocrático que está levando à morte milhares de pessoas".

Mais informações:

Raimundo Bonfim – (11) 9 7223-8171, coordenador nacional da CMP

Sidnei Pita-  (11) 9 6158-2604, da direção nacional da UNMP

Silene Santos – (11) 9 7683-2499, assessora de imprensa da CMP

Alguns locais onde ocorrerão protestos:

SÃO PAULO (Capital)

Grajaú 

Rua Manoel dos Reis, 491- Parque Grajaú 

Butantã 

São Remo

Rua Aquianes, 109

Centro

Rua Conselheiro Crispiniano, 125- República - próximo do Teatro Municipal 

Avenida Rangel Pestana, 1075

Avenida Rio Branco, 47 - Centro 

Rua São Domingos, 311 - Bela Vista 

Rua Anercy Rocha, 1500- Jardim Nova Vitória 

Rua Marins Fontes, 180 - Centro

Rua Doutor Penaforte Mendes, 30- Centro 

Rua Catumbi, 616 - Belenzinho 

Rua General Rondon, 52 - Campos Elisios

Rua Vigário João Alves, 77 - Vila Monumento

Rua do Igarapé, 01

Santa Etelvina

Rua do Frad, 560

Cidade Tiradentes 

DISTRITO FEDERAL (Brasília)

QN 12 C- Conjunto 8 - Casa 4 - Riacho Fundo II

Mais 4 atos

BAHIA (Salvador) 

Av. Aleomar Baleiro, 9999- Estrada Velha do Aeroporto - Fazenda Grande IV 

PIAUÍ (Teresina) 

Vila Parque Universitário- Zona Leste

CEARÁ (Fortaleza) 

Avenida Maciel Bezerra, 2290 - Jardim Jatobá-Sirqueira

RONDONIA (Porto Velho)

Praça Marechal Rondon (Praça do Baú) - Centro

MG (Uberlândia)

Avenida Anselmo Alves dos Santos, 600 - em frente a prefeitura

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email