CPMI das Fake News quer investigar ataques de Bolsonaro contra urnas eletrônicas

Relatora da comissão, deputada federal Lídice da Mata, estuda ingressar com um requerimento para que as acusações, sem provas, feitas por Jair Bolsonaro sejam investigadas

Lídice da Mata e Bolsonaro
Lídice da Mata e Bolsonaro (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados | Alan Santos/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Os últimos ataques contra as urnas eletrônicas e ao sistema eleitoral feitos por Jair Bolsonaro entraram no radar da CPMI das Fake News. De acordo com a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, a relatora da comissão, deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA), avalia  ingressar com um requerimento para que as acusações, sem provas, feitas pelo ex-capitão sejam investigadas.

Segundo  Lídice da Mata , os ataques se enquadram dentro da principal linha de investigação da CPMI, como o uso de perfis falsos e ataques cibernéticos para influenciar o resultado das eleições de 2018.

Ainda conforme  a reportagem, os trabalhos do colegiado estão limitados, uma vez que as sessões estão paralisadas em função da pandemia. O presidente da CPMI, senador Angelo Coronel (PSD-BA), disse que qualquer requerimento só será votado com a retomada das sessões, ainda sem prazo definido. Apesar disso, o parlamentar destacou que Bolsonaro não apresentou provas das acusações e que, com isso, “o discurso fica vazio”. 

PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email