Das 92 vagas do Mais Médicos em áreas indígenas, somente quatro foram repostas

Existem 88 localidades que atenderiam em torno de três mil pessoas cada, com aproximadamente 270 mil índios desassistidos de atenção médica

Das 92 vagas do Mais Médicos em áreas indígenas, somente quatro foram repostas
Das 92 vagas do Mais Médicos em áreas indígenas, somente quatro foram repostas (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Da Revista Fórum - No dia 14 de novembro de 2018, o governo cubano anunciou sua retirada do Programa Mais Médicos e a ruptura do convênio com o governo brasileiro. A decisão ocorreu após declarações "ameaçadoras e depreciativas" do então presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Desde que os profissionais cubanos do programa Mais Médicos tiveram de deixar o Brasil, em consequência do despreparo do atual governo de Jair Bolsonaro, boa parte da população de baixa renda que mora em locais mais isolados do país está sem atendimento médico adequado.

Leia aqui a íntegra.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247