Defesa de Yunes pede revogação de prisão ao STF

Advogados de José Yunes, amigos de Michel Temer que foi preso nesta manhã, argumenta que ele já havia prestado todas as informações necessárias à Policia Federal; "Mesmo já tendo, em três oportunidades distintas, prestado declarações nos atos principais, o requerente foi surpreendido com uma ordem de prisão temporária", diz trecho da nota da defesa

Defesa de Yunes pede revogação de prisão ao STF
Defesa de Yunes pede revogação de prisão ao STF (Foto: Divulgação/YCB | Antonio Cruz/Agência Brasil)

247 - A defesa de José Yunes entrou no fim da tarde desta quinta-feira (29) com um pedido de Habeas Corpus no Supremo Tribunal Federal (STF). O ex-assessor e amigo pessoal de Michel Temer foi preso pela Polícia Federal durante a manhã.  

A investigação apura o envolvimento de Michel Temer no decreto da área portuária, que beneficiou a empresa Rodrimar. Além de José Yunes, foram presos o coronel João Batista Filho, o ex ministro Wagner Rossi e o empresário Antonio Cesar Grecco. 

A defesa de Yunes argumenta que ele já havia prestado todas as informações necessárias à Policia Federal. "Mesmo já tendo, em três oportunidades distintas, prestado declarações nos atos principais, o requerente foi surpreendido com uma ordem de prisão temporária". diz um trecho da nota da defesa.  

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247