Delator foi à Câmara em datas de votação de MPs que geraram propina

O ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho, hoje delator da Lava Jato, esteve na Câmara dos Deputados em dias - ou em datas muito próximas - que foram votadas medidas provisórias de interesse da empreiteira no Congresso, e que, segundo disse ele em depoimentos, geraram pagamentos de propina a parlamentares; segundo reportagem da Folha, ele esteve ao menos 194 vezes na Câmara de janeiro de 2005 a dezembro de 2015

O ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho, hoje delator da Lava Jato, esteve na Câmara dos Deputados em dias - ou em datas muito próximas - que foram votadas medidas provisórias de interesse da empreiteira no Congresso, e que, segundo disse ele em depoimentos, geraram pagamentos de propina a parlamentares; segundo reportagem da Folha, ele esteve ao menos 194 vezes na Câmara de janeiro de 2005 a dezembro de 2015
O ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho, hoje delator da Lava Jato, esteve na Câmara dos Deputados em dias - ou em datas muito próximas - que foram votadas medidas provisórias de interesse da empreiteira no Congresso, e que, segundo disse ele em depoimentos, geraram pagamentos de propina a parlamentares; segundo reportagem da Folha, ele esteve ao menos 194 vezes na Câmara de janeiro de 2005 a dezembro de 2015 (Foto: Gisele Federicce)

247 - O ex-diretor de Relações Institucionais da Odebrecht Cláudio Melo Filho, hoje delator da Lava Jato, esteve na Câmara dos Deputados no mesmo dia - ou em datas muito próximas - que foram votadas medidas provisórias de interesse da empreiteira no Congresso, e que, segundo ele, geraram pagamentos de propina a parlamentares.

Reportagem da Folha desta segunda-feira 27 divulga um levantamento das entradas do lobista, que esteve ao menos 194 vezes na Câmara de janeiro de 2005 a dezembro de 2015. Os registros confirmam pontos nos relatos feitos em seu acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal.

O levantamento foi obtido pelo líder do PSOL na Casa, deputado Ivan Valente (PSOL-SP), com base no regimento interno e na Lei de Acesso à Informação.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247