Democracia defendida por opositores é máscara do totalitarismo, diz Araújo para estudantes da Escola Superior de Guerra

Ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, usou teses do guru do bolsonarismo, o astrólogo Olavo de Carvalho, para defender o governo Jair Bolsonaro. Segundo ele, "a democracia nessa concepção é vista como uma renúncia em grande parte ao exercício do poder"

Ernesto Araújo
Ernesto Araújo (Foto: Marcos Correa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Plínio Teodoro, na Revista Fórum - Em aula a alunos da Escola Superior de Guerra – instituto de Altos Estudos de Política, Defesa e Estratégia, integrante do Ministério da Defesa do Brasil -, o ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, lançou teses de Olavo de Carvalho para atacar adversários do governo dizendo que opositores do governo Jair Bolsonaro defendem uma democracia como máscara para o autoritarismo.

“Nessa coluna do realismo, nós temos a democracia condicionada pelo pensamento, condicionada pelos valores, condicionada por uma lógica que ultrapassa a realidade imedicata, condicionada à liberdade. Liberdade e democracia não se confundem. Liberdade é uma espécie de oceano onde navega a democracia. E eu diria que a democracia nessa concepção é vista como uma renúncia em grande parte ao exercício do poder”, diz, explicando a visão defendida pelo governo.

“Do outro campo, no campo nominalista, nós temos a democracia simplesmente como um nome. Simplesmente como uma palavra de ordem, um slogan, sem esse controle externo. A democracia como uma máscara do exercício do poder. E nesse campo, muitas vezes, nós vemos. apesar dos discursos em favor da democracia, admiração pelo totalitarismo e mesmo o respeito pelo totalitarismo. A menos a meu ver isso ocorre”, disse o ministro.

Leia a íntegra na Fórum. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247