Denúncia do MP contra Lula teve o aval de Janot

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, avalizou a denúncia que começou a ser elaborada há pouco mais de três meses pela força-tarefa da Operação Lava Jato e apresentada na quarta-feira 14 principalmente pelo procurador Deltan Dallagnol; a ação acusa o ex-presidente Lula de corrupção e lavagem de dinheiro; há outras sete pessoas denunciadas, entre elas a ex-primeira-dama Marisa Letícia

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, avalizou a denúncia que começou a ser elaborada há pouco mais de três meses pela força-tarefa da Operação Lava Jato e apresentada na quarta-feira 14 principalmente pelo procurador Deltan Dallagnol; a ação acusa o ex-presidente Lula de corrupção e lavagem de dinheiro; há outras sete pessoas denunciadas, entre elas a ex-primeira-dama Marisa Letícia
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, avalizou a denúncia que começou a ser elaborada há pouco mais de três meses pela força-tarefa da Operação Lava Jato e apresentada na quarta-feira 14 principalmente pelo procurador Deltan Dallagnol; a ação acusa o ex-presidente Lula de corrupção e lavagem de dinheiro; há outras sete pessoas denunciadas, entre elas a ex-primeira-dama Marisa Letícia (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A denúncia apresentada na última quarta-feira 14 por alguns membros da força-tarefa da Lava Jato, especialmente o procurador Deltan Dallagnol, contra o ex-presidente Lula e outras sete pessoas recebeu o aval do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, informa reportagem do jornal Valor Econômico.

A peça começou a ser elaborada há pouco mais de três meses e acusa Lula de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do apartamento no Guarujá, litoral paulista. Para os procuradores, o ex-presidente recebeu benefícios da empreiteira OAS, alvo da Lava Jato, na reforma do triplex, no transporte dos presentes que Lula ganhou quando era presidente e ainda em palestras realizadas pelo petista.

Há outras sete pessoas denunciadas, entre elas a ex-primeira-dama, Marisa Letícia, e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto. A denúncia também afirma que Lula é o "comandante geral" do esquema de corrupção na Petrobras descoberto pela Lava Jato.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email