Denúncias contra João de Deus são de mulheres com idade entre 9 e 67 anos

Um levantamento feito pelo MP-GO apontou que varia entre 9 e 67 anos a idade das mulheres que entram em contato com o órgão por e-mail denunciando abuso sexual pelo médium João de Deus; ele foi indiciado por um caso de violação sexual mediante fraude e está preso no Núcleo de Custódia em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital

Denúncias contra João de Deus são de mulheres com idade entre 9 e 67 anos
Denúncias contra João de Deus são de mulheres com idade entre 9 e 67 anos (Foto: Marcelo Camargo - ABR)

247 - Um levantamento feito pelo Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) apontou que varia entre 9 e 67 anos a idade das mulheres que entram em contato com o órgão por e-mail denunciando abuso sexual pelo médium João de Deus. Segundo o promotor Luciano Miranda, o MP-GO recebeu 596 e-mails entre denúncias, agradecimentos de vítimas, reclamações e até mensagens de apoio ao médium. A instituição informou haver 255 vítimas em potencial. Dessas, 121 informaram as idades que tinham quando se sentiram abusadas. Ele foi indiciado por um caso de violação sexual mediante fraude e está preso no Núcleo de Custódia em Aparecida de Goiânia (GO).

"Foram identificados nesses e-mails recebidos que as vítimas tinham, na época dos abusos, de 9 anos até 67 anos", contou Miranda.

9 a 14 anos - 23 vítimas

15 a 18 anos - 28 vítimas

19 a 67 anos - 70 vítimas

Desses 255 casos, o MP-GO acredita que 112 prescreveram. "Já vimos possibilidade de prescrição de 112 crimes. Isso porque ele [João de Deus] tem hoje mais de 70 anos e o prazo de prescrição corre pela metade, portanto não 20 anos como prevê a lei, mas sim 10. Mesmo assim, é imprescindível que todos sejam ouvidos porque valem como prova e vemos semelhanças nesses relatos para dar mais consistência aos casos", afirmou.

A defesa de João de Deus nega as acusações e tenta soltá-lo.

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247