Deputados cobram verbas prometidas para aprovar Previdência e Joice pede 'calma'

"O governo não tem árvore de dinheiro", diz a líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-SP), respondendo a cobrança de deputados pela liberação dos cerca de R$ 3 bilhões em verbas prometidos pelo governo para aprovar a reforma da Previdência

Joice Hasselmann
Joice Hasselmann (Foto: LUIS MACEDO)

247 - Após prometer o mundo para aprovar a reforma da Previdência na Câmara, sendo prometidos quase R$ 3 bilhões em verbas, o governo tenta conter a pressão pela cobrança dos parlamentares. A líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-SP), não escondeu o toma lá, dá cá e pediu "calma" aos parlamentares.

"O governo não tem árvore de dinheiro", diz Joice aos deputados, afirmando que os recursos serão liberados até o final do ano.

 "Ontem houve umas cobranças de alguns parlamentares em relação aos acordos fechados do PLN 4 (projeto que liberou crédito suplementar de R$ 248 milhões para despesas da União) e da Previdência. Agora, nós fechamos acordos para serem cumpridos durante o ano, não para serem cumpridos em uma semana. Então, calma", disse.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247