Derrotado, Moro diz que lamenta perder Coaf

O ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, disse que lamenta a derrota sofrida na Câmara dos Deputados que retirou o Coaf da sua pasta e retornou ao Ministério da Economia

Derrotado, Moro diz que lamenta perder Coaf
Derrotado, Moro diz que lamenta perder Coaf (Foto: Marcos Corrêa/PR)

247 - Ao comentar a derrota sofrida na Câmara dos Deputados, que retornou o Coaf para o Ministério da Economia, o ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, lamentou, mas disse que faz parte do debate democrático.

"Sobre a decisão da maioria da Câmara de retirar o Coaf do Ministério da Justiça, lamento o ocorrido. Faz parte do debate democrático. Agradeço aos 210 deputados que apoiaram o MJSP e o plano de fortalecimento do Coaf", disse o ministro ao site O Antagonista.

Por 228 votos a 221, o Plenário da Câmara impôs mais uma derrota política ao governo de Jair Bolsonaro ao retirar o Coaf do Ministério da Justiça e mantê-lo ligado ao Ministério da Economia. Os parlamentares aprovaram ainda limitar as atividades de auditores da Receita. proibindo a Receita Federal de investigar crime que não seja de ordem fiscal.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247