Dilma: Assassinato de liderança no Pará é resultado do 'discurso de ódio do atual governo'

Em nota, a presidenta desposta Dilma Rousseff manifestou pesar pela morte da coordenadora regional do movimento em Tucuruí (PA), Dilma Ferreira Silva; "São as novas vítimas da violência no campo, autorizada pelo discurso de ódio e pelo descaso do atual governo", afirmou a presidenta

www.brasil247.com - Dilma: Assassinato de liderança no Pará é resultado do 'discurso de ódio do atual governo'
Dilma: Assassinato de liderança no Pará é resultado do 'discurso de ódio do atual governo'


247 - A presidente deposta pelo golpe, Dilma Rousseff, classificou com "inaceitável" o assassinato de coordenadora regional do movimento em Tucuruí (PA), de Dilma Ferreira Silva, que teria sido morta junto ao esposo e outros familiares. 

"O assassinato de Dilma Ferreira Silva é inaceitável. É mais um momento triste na história do MAB, que justamente hoje celebrava o "Dia Internacional da Água". Como seus militantes dizem, "a água é para a vida, não para a morte!". Dilma Ferreira Silva e seus familiares são as novas vítimas da violência no campo, autorizada pelo discurso de ódio e pelo descaso do atual governo", afirmou a presidenta em nota.

 

Confira a íntegra do site:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Coordenadora do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), Dilma Ferreira Silva e membros de sua família foram assassinados nesta sexta-feira em Tucuruí, no Pará. Dilma participava havia 30 anos do movimento, desde que uma barragem acabou com a cidade em que vivia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 2011, Dilma esteve em audiência comigo e me entregou um documento de reivindicações do MAB, com atenção especial às mulheres. No encontro, manifestei apoio integral do meu governo à sua luta.

O assassinato de Dilma Ferreira Silva é inaceitável. É mais um momento triste na história do MAB, que justamente hoje celebrava o "Dia Internacional da Água". Como seus militantes dizem, "a água é para a vida, não para a morte!". Dilma Ferreira Silva e seus familiares são as novas vítimas da violência no campo, autorizada pelo discurso de ódio e pelo descaso do atual governo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

DILMA ROUSSEFF

 


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email