Dilma: decisão de Wyllys revela que a democracia está profundamente ferida

A presidente deposta pelo golpe de 2016, Dilma Rousseff, lamentou a decisão do deputado federal reeleito Jean Wyllys (PSol-RJ) de não voltar ao Brasil após receber várias ameaças de morte; segundo ela, "quando um parlamentar destemido e corajoso como o deputado Jean Wyllys não considera segura sua presença no país, a democracia não está apenas ameaçada, mas profundamente ferida"

Dilma: decisão de Wyllys revela que a democracia está profundamente ferida
Dilma: decisão de Wyllys revela que a democracia está profundamente ferida
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidente deposta pelo golpe de 2016, Dilma Rousseff, lamentou a decisão do deputado federal reeleito Jean Wyllys (PSol-RJ) de não voltar ao Brasil após receber várias ameaças de morte - ele está de férias no exterior. Segundo ela, "quando um parlamentar destemido e corajoso como o deputado Jean Wyllys não considera segura sua presença no país, a democracia não está apenas ameaçada, mas profundamente ferida".

"A razão para este ato extremo de Jean Wyllys é ter sido ameaçado de morte pelos mesmos milicianos que mataram Marielle Franco, no Rio", disse. "Confirma os temores do deputado Jean Wyllys o fato de o Presidente da República comemorar sua decisão. É terrível que uma autoridade defenda milícias, é estarrecedor que um candidato tenha ameaçado seus opositores com exílio e prisão".

"Mas é inadmissível que um Presidente possa se orgulhar ou comemorar algum desses fatos. Sua missão é respeitar a Constituição, defender a democracia, honrar seu país e dignificar seu cargo", complementou.

O presidente Jair Bolsonaro postou no Twitter a mensagem "grande dia", sem citar nomes. 

Wyllys é o primeiro e único parlamentar assumidamente gay no Congresso Nacional.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247