Doria responde fala de Bolsonaro sobre Forças Armadas: "cala-te"

“Como se não bastasse a incompetência generalizada do seu governo desastroso, Bolsonaro volta a ameaçar a democracia do Brasil. Sua índole autoritária tem o repúdio dos brasileiros de bem”, declarou o governador paulista João Doria

João Doria e Jair Bolsonaro
João Doria e Jair Bolsonaro (Foto: GOVSP | PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), nas redes sociais, nesta segunda-feira, 18, respondeu Jair Bolsonaro, que declarou mais cedo que “quem decide se um povo vai viver na democracia ou na ditadura são as suas Forças Armadas”.

Em sua tentativa de aparecer como oposição, utilizando o desastre da política do governo federal em relação à pandemia do novo coronavírus e buscando apagar o seu passado #Bolsodoria, o governador paulista pediu para Bolsonaro calar a boca.

“Como se não bastasse a incompetência generalizada do seu governo desastroso, Bolsonaro volta a ameaçar a democracia do Brasil. Sua índole autoritária tem o repúdio dos brasileiros de bem, que condenam sua tentativa de violar nossa Constituição. Cala-te Bolsonaro”, afirmou Doria - que também publicou a mensagem em inglês.

Mais cedo, Bolsonaro afirmou que “nós, militares, somos o último obstáculo para o socialismo. Quem decide se um povo vai viver na democracia ou na ditadura são as suas Forças Armadas. Não tem ditadura onde as Forças Armadas não apoiam".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email