“É inconcebível que Lula esteja na prisão”, critica deputada Social Democrata da Alemanha

"É inconcebível que Lula esteja na prisão. Estão usando a corrupção como desculpa para fazer uma 'limpeza política'. O que acontece com Lula é um absurdo dentro do Estado de Direito", afirmou a presidente do Grupo Parlamentar Alemanha-Brasil no Parlamento Alemão, deputada Yasmin Fahimi, do Partido Social-Democrata da Alemanha – de centro-esquerda

“É inconcebível que Lula esteja na prisão”, critica deputada Social Democrata da Alemanha
“É inconcebível que Lula esteja na prisão”, critica deputada Social Democrata da Alemanha (Foto: Esq.: Lula Marques - Ag. PT / Dir.: Stuckert)

247 - A presidente do Grupo Parlamentar Alemanha-Brasil no Parlamento Alemão, deputada Yasmin Fahimi, do Partido Social-Democrata da Alemanha – de centro-esquerda – afirmou nesta quinta-feira (21) que "é inconcebível que Lula esteja na prisão".

"Reiteramos a solidariedade do nosso partido e nosso respeito por tudo que vocês conseguiram mesmo diante da polarização da sociedade [brasileira]. Reconhecemos que o PT defende os direitos da maioria do povo brasileiro. É inconcebível que Lula esteja na prisão. Estão usando a corrupção como desculpa para fazer uma 'limpeza política'. O que acontece com Lula é um absurdo dentro do Estado de Direito", destacou ela, que participou de reunião na liderança do PT na Câmara dos Deputados, na presença do líder da bancada, deputado Paulo Pimenta (RS); do vice-presidente nacional do partido, deputado Alexandre Padilha (PT-SP); do governador do Piauí, Wellington Dias; e do senador Jaques Wagner (PT-BA).

A parlamentar também manifestou preocupação com o avanço da extrema direita, no Brasil e no mundo. Segundo ela, esses grupos têm usado a questão do combate à corrupção e da segurança pública para apresentar soluções simplistas e demagógicas, porém de fácil compreensão, como forma de conquistar a população.

"Eles [a extrema direita] têm usado a corrupção e a segurança pública para dar respostas simples, como 'vamos restabelecer a ordem', e assim abrir a porta para o fascismo. Na Alemanha temos o mesmo problema", relatou Fahimi.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247