Eduardo Bolsonaro lança suspeitas sobre delegados da PF que interrogam Moro

O deputado e filho de Jair Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro, criticou as indicações dos delegados que acompanham o depoimento de Sergio Moro, dizendo que são delegados "indicados" por Maurício Valeixo, ex-diretor da PF. No entanto, a indicação dos delegados foi determinada pelo STF

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Eduardo Bolsonaro lançou suspeitas sobre os delegados da Polícia Federal que vão ouvir o ex-juiz Sergio Moro, neste sábado (2), em Curitiba, no Paraná. A informação é do site Metrópoles.

Ele disse que os ‘delegados indicados’ por Disney Rosseti, chefe interino da Polícia Federal, ouvirão o ex-ministro Sergio Moro em Curitiba para evitar que o ex-juiz preste depoimento para a equipe do futuro diretor-geral da corporação.

A chiadeira de Eduardo é porque Disney Rosseti é o número dois de Maurício Valeixo e, por conta disso, assumiu interinamente a direção-geral da PF até novo nome ser indicado pelo governo Bolsonaro.

Além disso, a indicação do delegado foi uma decisão do ministro Celso de Mello, decano do Supremo Tribunal Federal e relator do caso, que deu ordens à Polícia Federal, através do Serviço de Inquéritos da Diretoria de Combate ao Crime Organizado, para colher o depoimento de Moro.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247