Embaixada do Brasil nos EUA prepara cartilha para explicar o golpe

A embaixada do Brasil em Washington, sob o comando do ex-ministro do Desenvolvimento Sergio Amaral, prepara a confecção e distribuição de uma cartilha para justificar o impeachment de Dilma Rousseff para a opinião pública nos EUA; serão 3.000 exemplares direcionados a jornalistas, empresários, congressistas e formadores de opinião em geral; objetivo do livrinho é passar a versão de Michel Temer sobre como ocorreu o afastamento da presidente eleita

Sergio Amaral Michel Temer
Sergio Amaral Michel Temer (Foto: Giuliana Miranda)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - A embaixada do Brasil em Washington, sob o comando do ex-ministro do Desenvolvimento Sergio Amaral, prepara a confecção e distribuição de uma cartilha para justificar o impeachment de Dilma Rousseff para a opinião pública nos EUA. Serão três mil exemplares direcionados a jornalistas, empresários, congressistas e formadores de opinião em geral. O objetivo do livrinho é passar a versão de Michel Temer sobre como ocorreu o afastamento da presidente eleita. As informações são da Folha de S.Paulo.

"Um dos objetivos é deixar os investidores estrangeiros mais tranquilos e aumentar seu interesse no programa brasileiro de concessões de infraestrutura.

De forma condensada, a cartilha será uma apresentação do programa para recuperação da economia, listando áreas onde o governo oferecerá concessões e explicando que o Brasil está disposto a ajustar o marco regulatório quando as demandas dos investidores forem justificadas.

"Não se trata de propaganda de governo, é uma explicação baseada em fatos, como a sentença do [então presidente do STF] Ricardo Lewandowski, a aprovação das reformas, e outros", diz o embaixador do Brasil em Washington, Sergio Amaral."

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email