Empresa do pai de secretário da pesca coleciona multas por infrações de pesca

A família do atual secretário de aquicultura e pesca, Jorge Seif Júnior, tem pelo menos dez multas ambientais, a maior parte por infrações de pesca, de acordo com levantamento do jornal Folha de S.Paulo; a mais grave delas é pelo transporte de mais de 12 mil kg de cherne-poveiro, espécie classificada como criticamente em risco de extinção

Empresa do pai de secretário da pesca coleciona multas por infrações de pesca
Empresa do pai de secretário da pesca coleciona multas por infrações de pesca

247 - A família do atual secretário de aquicultura e pesca, Jorge Seif Júnior, tem pelo menos dez multas ambientais, a maior parte por infrações de pesca, de acordo com levantamento do jornal Folha de S.Paulo. A mais grave delas é pelo transporte de mais de 12 mil kg de cherne-poveiro, espécie classificada como criticamente em risco de extinção.

O Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) multou em R$ 300 mil a JM Seif Transportes Ltda., empresa do próprio pai do secretário, Jorge Seif. A punição, em 18 de agosto de 2014, foi consequência do transporte, no Rio de Janeiro, do cherne-poveiro, que não poderia ser pescado.

Outras infrações associadas à família de Seif Junior são referentes à pesca em período de defeso (proteção de espécies em fases críticas de ciclo de vida, como a época de reprodução), venda de indivíduos com tamanho inferior ao permitido por lei, pesca sem autorização, descaracterização de tubarão e obra, sem licença, para um cais de concreto sobre o rio Itajaí-Açu, em Santa Catarina.

Seif Junior afirmou que o levantamento das multas, com base em dados públicos, tem o intuito de trazer problemas. “Com todo o respeito, isso é para polemizar. O que isso agrega à sociedade? É para desqualificar uma pessoa que está trabalhando no governo.”

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247