Encurralado após prisão de operadores, Temer convoca advogado

A prisão de seus amigos e operadores mudou os planos de Michel Temer; o peemedebista desistiu de viajar a São Paulo para a Páscoa e convocou seu advogado na investigação do esquema dos Portos, Antonio Claudio Mariz, para uma reunião em Brasília; Temer quer discutir a estratégia jurídica frente à provável nova denúncia da PGR

Encurralado após prisão de operadores, Temer convoca advogado
Encurralado após prisão de operadores, Temer convoca advogado (Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após a prisão de seus amigos pela Polícia Federal, o Michel Temer desistiu de passar a Páscoa em São Paulo e convocou o advogado Antonio Claudio Mariz nesta sexta-feira (30) para uma conversa em Brasília.

Mariz é o advogado de Temer no inquérito dos portos, que apura se o emedebista recebeu propina em troca da edição de um decreto para supostamente favorecer empresas portuárias. Temer nega.

Desde esta quinta (29), Temer e seus auxiliares discutem como reagir às investigações.

As informações são de Andréia Sadi em seu blog.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247