Ex-governador de Roraima terá que devolver R$ 16,3 mi aos cofres públicos

TCU determinou que o ex-governador de Roraima Neudo Campos devolva R$ 16,3 milhões aos cofres públicos; em fevereiro Neudo foi condenado pela Justiça pela participação em um esquema de desvio de recursos públicos por meio de funcionários fantasmas que ficou conhecido como "escândalo dos gafanhotos"; salários dos servidores inexistentes eram distribuídos a deputados e autoridades em troca de apoio político ao ex-governador

Ex-governador de Roraima Neudo Campos
Ex-governador de Roraima Neudo Campos (Foto: Paulo Emílio)

247 - O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou que o ex-governador de Roraima Neudo Campos devolva R$ 16,3 milhões aos cofres públicos. Em fevereiro Neudo foi condenado pela Justiça pela participação em um esquema de desvio de recursos públicos que ficou conhecido como "escândalo dos gafanhotos".

No esquema, funcionários fantasmas eram incluídos na folha de pagamento estadual e do Departamento de Estradas e Rodagem de Roraima (DER/RR). Em seguida, os salários eram distribuídos a deputados e autoridades em troca de apoio político ao ex-governador.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247