Ex-ministra do Meio Ambiente: sociedade não tolera desmatamento

A ex-ministra do Meio Ambiente Izabella Teixeira criticou duramente a decisão do Brasil de não mais sediar a Conferência do Clima COP 25 no próximo ano; a decisão, oficialmente tomada pelo Ministério das Relações Exteriores, foi influenciada pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, cuja concepção sobre o tema ambiental colide com o pensamento contemporâneo majoritário no Brasil e no mundo

Ex-ministra do Meio Ambiente: sociedade não tolera desmatamento
Ex-ministra do Meio Ambiente: sociedade não tolera desmatamento

247 - A ex-ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, criticou duramente a decisão do Brasil de não mais sediar a Conferência do Clima COP 25 no próximo ano. A decisão, oficialmente tomada pelo Ministério das Relações Exteriores, foi influenciada pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, cuja concepção sobre o tema ambiental colide com o pensamento contemporâneo majoritário no Brasil e no mundo.

A ex-ministra declarou no UOL que Bolsonaro não entendeu que a sociedade não tolera desmatar. Ela faz eco às opiniões de ambientalistas de todo o mundo ao negar que o Acordo de Paris sobre o clima seja uma ameaça à soberania nacional brasileira.

Teixeira disse que o Brasil tem um programa de áreas protegidas na Amazônia, o programa "mais ambicioso do mundo em termos de proteção ambiental, e que o chamado "Triplo A" usado por Bolsonaro como pretexto para propor a retirada do Brasil do Acordo de Paris nada mais é que uma proposta que nunca saiu do papel.

Confira a íntegra da entrevista concedida pela ex-ministra do Meio Ambiente aos jornalistas Alex Tajra e Marcelo Freire.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247