Ex-ministros rejeitam novo presidente do Instituto Chico Mendes

Cairo Tavares (PROS) é cotado para a presidência do instituto, no lugar do oceanógrafo Ricardo Soavinski, que deixou o cargo em abril

Cairo Tavares (PROS) é cotado para a presidência do instituto, no lugar do oceanógrafo Ricardo Soavinski, que deixou o cargo em abril
Cairo Tavares (PROS) é cotado para a presidência do instituto, no lugar do oceanógrafo Ricardo Soavinski, que deixou o cargo em abril (Foto: Aquiles Lins)

247 - A presidenciável Marina Silva (Rede) assinou carta de repúdio à possibilidade de loteamento político no Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão do Ministério do Meio Ambiente responsável pela gestão das áreas protegidas federais, informa o site BR-18.

Além dela, assinam também Rubens Ricupero, José Goldemberg, Carlos Minc, Izabella Teixeira e José Carlos Carvalho; Cairo Tavares (PROS) é cotado para a presidência do instituto, no lugar do oceanógrafo Ricardo Soavinski, que deixou o cargo em abril.

“Jamais, nesses 12 anos, a presidência do Instituto foi ocupada por pessoas estranhas à agenda da conservação. Seria trágico se isso acontecesse agora”, diz o texto.

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247