Extinção da pena de Genoino foi saudada no PT

"Esta foi uma notícia que me encheu de alegria, a mim e a tantos admiradores de Genoíno. Disse a ele que isto sim, merecia um brinde com champanhe, que em alguma hora ainda faremos", disse o ministro da Casa Civil; Outro da cúpula do governo que ligou foi o ministro da Defesa, Jacques Wagner; disse ao amigo nunca ter duvidado de que teria força para enfrentar com dignidade a provação que finalmente chegava ao fim, segundo informa a colunista Tereza Cruvinel

Extinção da pena de Genoino foi saudada no PT
Extinção da pena de Genoino foi saudada no PT (Foto: Marcelo Ximenez/Folha)

Por Tereza Cruvinel

No clima sombrio desta semana em Brasília, com o meio político tensionado à espera da lista Janot, a nota de alegria no meio político  foi a extinção da pena de José Genoíno, que volta a ser um homem livre, novamente dono de seus direitos políticos.

Ele mesmo continua guardando silêncio e recato na casa de Brasília onde viveu a prisão domiciliar. Lá, o telefone não parou de tocar nos dois ultimos dias. Entre os que telefonaram, dois dos mais importantes ministros do governo Dilma.

O ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, telefonou ontem cedo, antes que o dia esquentasse, mesmo com a presidente viajando.

– Esta foi uma notícia que me encheu de alegria, a mim e a tantos admiradores de Genoíno. Disse a ele que isto sim, merecia um brinde com champanhe, que em alguma hora ainda faremos.

Uma sutil ironia: o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, andou dizendo que, segundo suas informações, houve um brinde com champanhe no Palácio do Planalto quando se soube que ele estaria na lista de Janot.

Outro da cúpula do governo que ligou foi o ministro da Defesa, Jacques Wagner.  Disse ao amigo nunca ter duvidado de que teria força para enfrentar com dignidade a provação que finalmente chegava ao fim. Transmitiu o abraço de muitos militares e funcionários do Ministério da Defesa, onde Genoíno trabalhou como assessor do ex-ministro Celso Amorim, antes de assumir o mandato como suplente e de ser condenado.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247