'Foi uma derrota', diz ex-vice líder do governo sobre votação de reforma

Deputado federal Capitão Augusto disse que apesar do governo ter conseguido aprovar o projeto de reforma da Previdência na Comissão de Constituição (CCJ) da Casa avaliou o fato como "uma derrota" e que a proposta irá "sangrar" ainda mais; "Foi uma derrota. Você abriu mão [de pontos da proposta da reforma previdenciária] em uma votação de admissibilidade. Não é possível que o governo ache que é uma vitória", disse; "Já deixou parte do projeto ali. Imagina o quanto vai sangrar", completou

'Foi uma derrota', diz ex-vice líder do governo sobre votação de reforma
'Foi uma derrota', diz ex-vice líder do governo sobre votação de reforma (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Capitão Augusto (PR-SP), que deixou a vice-liderança do governo Jair Bolsonaro na Câmara criticando a falta de articulação por parte do Planalto junto ao Congresso (leia no Brasil 247), disse que apesar do governo ter conseguido aprovar o projeto de reforma da Previdência na Comissão de Constituição (CCJ) da Casa diz que o fato foi "uma derrota" e que a proposta irá "sangrar" ainda mais.

"Foi uma derrota. Você abriu mão [de pontos da proposta da reforma previdenciária] em uma votação de admissibilidade. Não é possível que o governo ache que é uma vitória", disse o parlamentar segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo. "Já deixou parte do projeto ali. Imagina o quanto vai sangrar", completou

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247