Força Sindical defende vacina para todos e volta do auxílio emergencial

O presidente da Força Sindical, Miguel Torres, defende em entrevista a imunização de toda a população e a volta do auxílio emergencial

Miguel Torres
Miguel Torres (Foto: Sind.Metalúrgicos)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente da Força Sindical, Miguel Torres, disse em entrevista ao Tutaméia, que o governo de Jair Bolsonaro sempre negou a covid-19, os tratamentos e a assistência.

De acordo com o sindicalista, todas as medidas do governo Bolsonaro dificultaram o acesso das pessoas ao benefício. 

Torres defende que a sociedade tem de se organizar, estar mais unida nessas questões e exigir que essas medidas de enfrentamento à pandemia sejam mais concretas e imediatas.

“Estamos começando o ano com mais de 14 milhões de desempregados. Estamos começando o ano com a inflação subindo: itens de primeira necessidade batendo aí os dez, quinze, vinte por cento de aumento. As pessoas vão precisar comer, as pessoas vão precisar sobreviver; se a gente não tiver essa unidade e essa transparência da sociedade e exigir que as coisas aconteçam, nós vamos ter sérios problemas”, adverte o presidente da Força Sindical, em entrevista ao Tutaméia. 

Veja a íntegra

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email