Gilberto Carvalho responde pirataria de Bolsonaro: má-fé e desonestidade

"Bolsonaro atribui o vídeo a um vazamento do Foro de São Paulo, o que é uma maluquice. Mais que maluquice, é desonestidade, má-fé e apropriação indébita", criticou o ex-ministro

(Foto: Foto: Marcello Casal Jr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho (PT) respondeu ao vídeo postado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) em suas redes sociais, onde Carvalho aparece discursando em uma autocrítica ao Partido dos Trabalhadores como se fosse um vazamento.

O vídeo, no entanto, é parte do documentário "O Processo", postado sem autorização por Bolsonaro.

Carvalho lembra que o vídeo foi captado em 2016, em uma reunião da liderança do PT no senado, e que trazia uma auto-crítica sobre os governos petistas.

"Bolsonaro atribui o vídeo a um vazamento do Foro de São Paulo, o que é uma maluquice. Mais que maluquice, é desonestidade, má-fé e apropriação indébita", criticou o ex-ministro.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247