Gilmar Mendes diz que Receita Federal fez 'pistolagem'

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), disse que a Receita Federal, subordinada ao Ministério da Economia, de Paulo Guedes, fez papel de "pistolagem" ao vazar seus dados fiscais. Gilmar Mendes está cobrando em termos severos que as as investigações sobre o vazamento cheguem a quem ordenou a devassa e às razões pelas quais ela foi feita

Gilmar Mendes diz que Receita Federal fez 'pistolagem'
Gilmar Mendes diz que Receita Federal fez 'pistolagem' (Foto: Carlos Moura/SCO/STF)

247 - O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), disse que a Receita Federal, subordinada ao Ministério da Economia, de Paulo Guedes, fez papel de "pistolagem" ao vazar seus dados fiscais. Gilmar Mendes está cobrando em termos severos que as as investigações sobre o vazamento cheguem a quem ordenou a devassa e às razões pelas quais ela foi feita.

Mendes não aceitou as explicações iniciais, de que o vazamento foi involuntário. Outras autoridades que também foram alvo de investigação não se satisfizeram com a explicação.

São "historietas", diz o ministro do STF, que visam encobrir as reais motivações de seus dados terem sido não apenas escarafunchados como também tornados públicos.

Por seu turno, o secretário especial da Receita, Marcos Cintra, tem afirmado que não vê a instituição com a mesma severidade do ministro do STF. E que ela apenas procura cumprir suas atribuições, previstas em lei.

As informações estão na coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247