Governadores da Amazônia pressionam e Fundo Amazônia pode voltar

Depois de o governo Bolsonaro desprezar centenas de milhões de dólares do Fundo Amazônia, os governadores do Bloco Amazônico negociaram a volta dos repasses após reunião com embaixadores da Alemanha, Reino Unido e Noruega. O retorno do Fundo poderá acontecer "nos próximos dias".

(Foto: Reuters)

247 -  Depois de o governo Bolsonaro desprezar centenas de milhões de dólares do Fundo Amazônia, os governadores do Bloco Amazônico negociaram a volta dos repasses após reunião com embaixadores da Alemanha, Reino Unido e Noruega. O retorno do Fundo poderá acontecer "nos próximos dias".

O ministro do meio ambiente, Ricardo Salles, também participou das tratativas, segundo a reportagem do Portal Uol: "Salles havia aventado a possibilidade de que os governos dos estados fechassem acordos de proteção da Amazônia diretamente com os doadores do fundo, sem precisar da parceria com o governo federal."

O ministro afirmou: "os doadores, porém, preferem fazer via BNDES, como já vinha ocorrendo."

A matéria relembra que "em agosto, Alemanha e Noruega haviam suspendido as doações após críticas do presidente Jair Bolsonaro e do ministro Salles à política ambiental desses países."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247