Governadores do Nordeste querem trazer Mais Médicos de volta ao Brasil

Os governadores dos estados da região Nordeste estão fazendo gestões pelo retorno do programa Mais Médicos. Eles lutam para atender a população que ficou desassistida devido ao sectarismo ideológico do governo de extrema-direita de Bolsonaro

Governadores do Nordeste querem trazer Mais Médicos de volta ao Brasil
Governadores do Nordeste querem trazer Mais Médicos de volta ao Brasil (Foto: REUTERS/Fernando Medina)

247 - Os governadores dos estados da região Nordeste estão fazendo gestões pelo retorno do programa Mais Médicos. Eles lutam para atender a população que ficou desassistida devido ao sectarismo ideológico do governo de extrema-direita de Bolsonaro. 

Agora organizados no Consórcio do Nordeste, esses governadores estão estudando a assinatura de um contrato com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) para reinstalar atendimento similar ao do programa Mais Médicos. A Opas é a organização continental responsável pela exportação de profissionais de saúde.

O governador Flávio Dino (PCdoB) informou à coluna Painel da Folha de S.Paulo que já foi feita consulta à entidade.

O governo Bolsonaro demonstrou incapacidade de repor as vagas antes ocupadas pelos médicos cubanos. A saída dos médicos do país caribenho deixou 28 milhões de brasileiros sem atendimento, segundo estimativas do New York Times.

Os médicos cubanos deixaram o Brasil por terem sido hostilizados pelo presidente de extrema-direita Jair Bolsonaro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247