Governo Bolsonaro aceita 10 milhões de libras do Reino Unido para a Amazônia

Com simpatias pela postura anti europeia do primeiro ministro britânico, o governo brasileiro resolveu aceitar a oferta de 10 milhões de libras esterlinas - cerca de R$ 51 milhões - para combater o fogo na Amazônia.

Boris Johnson incia campanha no Reino Unido com o mote: 'Sair da UE em 31 de outubro'
Boris Johnson incia campanha no Reino Unido com o mote: 'Sair da UE em 31 de outubro'
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Com simpatias pela postura anti europeia do primeiro ministro britânico, o governo brasileiro resolveu aceitar a oferta de 10 milhões de libras esterlinas - cerca de R$ 51 milhões - para combater o fogo na Amazônia. 

A reportagem do jornal O Globo sublinha que "a oferta foi feita na tarde desta terça-feira, em uma conversa telefônica entre o secretário para assuntos externos daquele país, Dominic Raab, do Partido Conservador britânico, e o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo."

A matéria ainda informa que "segundo uma fonte do governo brasileiro, Raab e Araújo conversaram sobre o meio ambiente e projetos de interesse dos dois países. Ambos não entraram em detalhes sobre essas atividades."

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247