Governo já cortou 87% da verba do IBGE destinada a preparação do Censo 2020

Governo cortou R$ 210 milhões destinados à preparação para o Censo 2020, do IBGE; técnicos afirmam que o corte paralisa os trabalhos de mapeamento e cadastramento de domicílios, interrompendo as séries históricas de dados sobre a população brasileira

Governo já cortou 87% da verba do IBGE destinada a preparação do Censo 2020
Governo já cortou 87% da verba do IBGE destinada a preparação do Censo 2020

247 - O governo federal já cortou 87% da verba destinada a pesquisas do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) para o ano de 2019. A informação é do colunista Bernardo Mello Franco, do jornal O Globo.

De acordo com o jornal, já foram bloqueados R$ 210 milhões destinados ao órgão para preparar o Censo 2020. A medida, segundo técnicos, paralisa os trabalhos de mapeamento e cadastramento de domicílios, interrompendo as séries históricas de dados sobre a população brasileira.

A presidente do IBGE, Susana Cordeiro Guerra, foi indicada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, com a missão de cortar o orçamento do Censo, cuja previsão inicial era R$ 3,4 bilhões. Em entrevista, Susana Cordeiro Guerra, nega os cortes, mas o sistema que acompanha os gastos do governo, o Siop, confirma a tesourada no orçamento.

Além disso, Susana demitiu o diretor de pesquisas do instituto, Cláudio Crespo, que se opunha à medida de redução dos recursos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247