Governo não consegue organizar base política para aprovar reforma administrativa

Passados cem dias desde a posse de Bolsonaro na Presidência da República, não é apenas o conservadorismo político e o desastre econômico e em política externa que chama a atenção. O governo não consegue organizar minimamente uma base política para levar adiante a sua agenda no Congresso Nacional. A expressão mais ouvida em Braslília é desarticulação política

Governo não consegue organizar base política para aprovar reforma administrativa
Governo não consegue organizar base política para aprovar reforma administrativa (Foto: Michel Jesus/ Câmara dos Deputados)

247 - Passados cem dias desde a posse de Bolsonaro na Presidência da República, não é apenas o conservadorismo político e o desastre econômico e em política externa que chama a atenção. O governo não consegue organizar minimamente uma base política para levar adiante a sua agenda no Congresso Nacional. A expressão mais ouvida em Braslília é desarticulação política.

Líderes do chamado centrão, consideram que entre outros projetos do governo, está em risco a reforma administrativa proposta pelo presidente da República.

Com a prioridade voltada às negociações para aprovar a reforma da Previdência, a Medida Provisória da reforma administrativa "foi relegada a segundo plano na Câmara. Só no último dia 10 foi instalada a comissão mista que vai analisar pontos da proposta e colocar medidas em audiência pública", aponta reportagem do jornal Folha de S.Paulo.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247