Índio da Costa deixa a prisão

O desembargador João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), concedeu habeas corpus ao ex-depuado federal. Índio foi preso no último dia 06 sob acusação de envolvimento criminoso em esquema nos Correios

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-deputado federal Índio da Costa (PSD) deixa a prisão nesta quinta-feira (12) após o desembargador João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), conceder habeas corpus. Índio foi preso no último dia 06 acusado de envolvimento criminoso em esquema nos Correios.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF) em Santa Catarina, Índio receberia R$ 30 mil mensais. Investigação corre em sigilo. 

Índio foi alvo da Operação Post Off, que apura fraudes de pelo menos R$ 13 milhões nos Correios

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247