Integrantes do STF tiveram contas devassadas pela Receita Federal, que segue em crise interna

A crise na Receita Federal está longe do fim, mesmo depois da queda de Marcos Cintra. Segundo a coluna Painel da Folha de S.Paulo, nos últimos dias surgiram denúncias com relatos detalhados de desvios de integrantes do fisco. Um dos fatores que agravou a crise no órgão foi a descoberta de que integrantes do STF e seus parentes tiveram as contas devassadas por auditores

(Foto: Roberta Namour)

247 - A crise na Receita Federal está longe do fim, mesmo depois da queda de Marcos Cintra. Segundo a coluna Painel da Folha de S.Paulo, nos últimos dias surgiram denúncias com relatos detalhados de desvios de integrantes do fisco. 

Há queixas anônimas e outras, nas quais o autor se identifica e oferece colaboração. Ministros e investigadores que acessaram os documentos viram neles um sinal de que diversas alas da entidade seguem em guerra. 

Um dos fatores que agravou a crise no órgão foi a descoberta de que integrantes do STF e seus parentes tiveram as contas devassadas por auditores. 

Cintra enviou ofício ao Tribunal de Contas da União no qual se comprometia a entregar à corte os nomes dos auditores que acessaram, com ou sem justificativa formal, dados de autoridades públicas nos últimos cinco anos.  

A primeira reação da Receita foi a de tentar driblar a ordem do TCU. Houve forte reação na corte e o então secretário do órgão decidiu ceder.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247