Jarbas: 'Impeachment é fruto de chantagem fracassada'

O deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) disse que a abertura de processo de impeachment anunciada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), contra a presidente Dilma Rousseff é resultado do fracasso generalizado do dirigente; "Ele tentou chantagear a Oposição não conseguiu e partiu forte para cima do Governo e do PT querendo a mesma coisa e fracassou, portanto, o processo em voga é fruto do fracasso generalizado", observou; Jarbas disse que Cunha é um "chantagista cínico"

www.brasil247.com - Senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) pede à Câmara dos Deputados tramitação especial para a proposta que torna automática a perda do mandato de parlamentar condenado (PEC 18/13)
Senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) pede à Câmara dos Deputados tramitação especial para a proposta que torna automática a perda do mandato de parlamentar condenado (PEC 18/13) (Foto: Valter Lima)


247 - O deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) disse que a abertura de processo de Impeachment anunciada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, contra a presidente Dilma Rousseff é resultado do fracasso generalizado do dirigente. 

"Ele tentou chantagear a Oposição não conseguiu e partiu forte para cima do Governo e do PT querendo a mesma coisa e fracassou, portanto, o processo em voga é fruto do fracasso generalizado", observou. 

Jarbas Vasconcelos declarou ainda que Cunha está impossibilitado de continuar no cargo, por isso defende o imediato afastamento do presidente.

“Ele é um chantagista cínico. Não tem a menor condição de comandar um processo como esse. Ele está moralmente impossibilitado de continuar à frente do cargo porque, além de tudo as provas são muito robustas contra ele", afirmou.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247