Joice celebra decreto e ignora morte de mulheres por arma de fogo

Divulgando um vídeo gravado nos EUA em que aparece com uma pistola e um fuzil praticando tiro na sua propriedade, a deputada federal eleita Joice Hasselmann (PSL-SP) diz que em breve, "a mulherada do meu país andará em cima do salto e com sua arma, como eu faço nos EUA"; no entanto, segundo dados de 2016 do sistema Datasus, do Ministério da Saúde, 2.339 mulheres foram mortas por arma de fogo no Brasil

Joice celebra decreto e ignora morte de mulheres por arma de fogo
Joice celebra decreto e ignora morte de mulheres por arma de fogo

247 - Assim que Jair Bolsonaro assinou o decreto que flexibiliza a posse de arma, a deputada eleita Joice Hasselmann (PSL-SP) correu para as redes sociais para comemorar o feito.

Divulgando um vídeo produzido e gravado nos EUA em que aparace com uma pistola e um fuzil praticando tiro na sua propriedade, Joice diz que em breve, "a mulherada do meu país andará em cima do salto e com sua arma, como eu faço nos EUA".

No entanto, a realidade brasileira é bem diferente do mundo que a deputada tenta pintar. Segundo dados de 2016 do sistema Datasus, do Ministério da Saúde, 2.339 mulheres foram mortas por arma de fogo no Brasil. Significa dizer que metade dos feminicídios foram cometidos com arma de fogo, o que deve agravar com o decreto de posse de armas assinado por Bolsonaro, que dá direito a posse de até quatro armas.

Ainda de acordo com levantamento feito pelo Instituto Sou da Paz, de todas as mulheres mortas por arma de fogo, 560 foram assassinadas dentro de casa. "A mulher não vai se sentir mais segura com arma em casa. A arma é elemento de risco, não de segurança. Provavelmente, elas passarão a ser mais ameaçadas em ambientes de violência doméstica", enfatiza Stephanie Mori, do Instituto Sou Paz.

Mas nas redes, Joice ignora os fatos e diz que, depois da flexibilização da posse, vai trabalhar pela facilitação do porte.

"O decreto que flexibiliza a posse de armas é o 1º passo. Temos MUITO mais pra avançar. Vou trabalhar com o governo @jairbolsonaro pra liberar o PORTE de armas para o cidadão de bem", escreveu.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247