Juan Arias: declaração de Araújo sobre Brasil ser “pária internacional” ilustra “pobreza política e espiritual desse Governo”

O jornalista do El País Juan Arias diz que o conceito de “pária”, ao invés de orgulho, deve envergonhar os brasileiros, já que significa a marginalização do Brasil no sistema internacional

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo
O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo (Foto: José Cruz/AgÃência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - As declarações de Ernesto Araújo na última quinta-feira (22) aos alunos do Colégio Rio Branco, que forma diplomatas em Brasília, de que se orgulha de ter transformado o Brasil em “pária internacional” não foram bem recebidas pelo público. 

Em artigo no El País, o jornalista e escritor Juan Arias nota que o conceito de “pária” significa não a exclusão que o ministro defende (segundo Araújo, o Brasil é um dos únicos países no mundo lutando pela liberdade), mas sim no sentido de marginalização e proscrição. Isso se deve ao fato do Brasil ir na contramão dos avanços pela liberdade. 

“Que liberdades o Governo de extrema direita defende hoje? A liberdade de expressão? A liberdade da mulher de usar o próprio corpo? A de poder viver em paz a própria sexualidade? A dos negros e pardos que são a maioria e são os mais expostos à violência institucional? A liberdade dos diferentes e excluídos? A dos indígenas que estão sendo exterminados e empurrados para entrar na nossa civilização alienada?”, questiona Arias. 

Assim, aponta Arias, Araújo não enxerga como a posição marginalizada do Brasil no cenário internacional ilustra na verdade a “pobreza política e espiritual” do governo brasileiro. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247