Lava Jato está para a democracia como torturadores estiveram para ditadura e não podem ficar impunes, diz Genoino

Para José Genoino, os líderes da Lava Jato não podem sair impunes, como saíram os militares torturadores da ditadura militar, sob risco de comprometer a democracia no país. Para ele, a candidatura de Lula deve ser colocada nas ruas o mais rapidamente possível

(Foto: Diógenis Santos/Agência Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O ex-deputado José Genoino adverte: é necessário punir o ex-juiz Sérgio Moro, o procurador Deltan Dallagnol e os demais procuradores da Lava Jato, assim como a delegada Érika Marena, que forjou depoimentos, para que o lavajatismo não permaneça como um fantasma a praticar retrocessos e soluços na restauração da Democracia brasileira. Além disso, ele considera que a candidatura de Lula deve ser colocada nas ruas o mais rapidamente possível.

Em entrevista aos jornalistas Eumano Silva e Luís Costa Pinto no programa “Sua Excelência, O Fato”, Genoino, que integrou a Assembleia Nacional Constituinte de 1987/88 e foi presidente do PT, compara a ação dos lavajatistas à dos torturadores do Doi-Codi durante a ditadura militar. Os torturadores ficaram impunes e seguiram assombrando a restauração democrática até hoje, por meio dos ecos que produziram entre os militares. “Se não punir, vai acontecer com a Lava Jato o que aconteceu com os torturadores”, diz José Genoino.

O ex-presidente do PT ainda afirma que Lula deve sair candidato e que o Partido dos Trabalhadores tem de colocar a campanha e o bloco nas ruas o mais rápido possível. Para ele, não pode haver diálogo com outras legendas sem que se tenha a clareza da naturalidade da candidatura de Lula. 

PUBLICIDADE

Genoino crê, ainda, que a centro-direita, a direita e a extrema-direita é que têm um problema no colo: Jair Bolsonaro. “Política é a arte das escolhas; e eles escolheram errado em 2018. Trilharam esse caminho. Eles que resolvam o problema deles”, diz o ex-deputado.

Assista à entrevista de Genoino:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email