Lava Jato pede prorrogação de prisão de cunhada de Vaccari

A força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) que atua na Operação Lava Jato pediu que as prisões temporárias de Marice Correa, cunhada do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, e de outros três presos na 56ª fase da Lava Jato, deflagrada na semana passada, sejam convertidas em prisões preventivas; pedido será avaliado pela juíza Gabriela Hardt, que assumiu os processos da 13ª Vara Federal de Curitiba após Sérgio Moro aceitar o convite para o Ministério da Justiça do governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL)

Lava Jato pede prorrogação de prisão de cunhada de Vaccari
Lava Jato pede prorrogação de prisão de cunhada de Vaccari (Foto: GERALDO BUBNIAK)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) que atua na Operação Lava Jato pediu que as prisões temporárias de Marice Correa, cunhada do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, e de outros três presos na 56ª fase da Lava Jato, deflagrada na semana passada, sejam convertidas em prisões preventivas. O pedido será avaliado pela juíza Gabriela Hardt, que assumiu os processos da 13ª Vara Federal de Curitiba após Sérgio Moro aceitar o convite para o Ministério da Justiça do governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Os procuradores alegam que Marice teria arrecadado "significativas quantias de vantagens indevidas" para o PT ´por meio de vantagens indevidas na construção da sede da Petrobrás em Salvador (BA). O prédio, erguido com recursos de fundos de pensão de estatais, teria tido suas obras superfaturadas pelas empreiteiras OAS e Odebrecht.

Segundo o MPF, "há elementos mais do que suficientes indicando a necessidade da prisão preventiva de Marice Correa". Além dela, o MPF também pediu a prorrogação das prisões de Valdemir Garreta, Rodrigo Barreto e William Chaim.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247