Líder dos caminhoneiros é Bolsonaro, diz ex-ministro Raul Jungmann

Ele crê que o recuo de Bolsonaro, que pediu o fim do movimento, se deve exclusivamente ao temor de desabastecimento num momento de erosão da economia

www.brasil247.com - Ex-ministro Raul Jungmann
Ex-ministro Raul Jungmann (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)


247 - "O líder é o presidente da República", avalia Raul Jungmann, apontando para o fato de que foi Jair Bolsonaro quem convocou a categoria a integrar os atos golpistas em favor de seu governo no feriado do 7 de Setembro.

O ex-ministro de Michel Temer crê que o recuo de Bolsonaro, que pediu o fim do movimento, se deve exclusivamente ao temor de desabastecimento num momento de erosão da economia: inflação alta, crise energética nos calcanhares do governo, desemprego e problemas fiscais se avolumando.

A percepção de Jungmann é de que o movimento atual não irá crescer como em 2018, com efeitos graves na economia. Há também o fato de que muitas entidades do setor se posicionaram contra os atos, informa a Folha de S.Paulo.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:


 

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email