Lobista da Shell em Brasília é filiado ao PMDB

Nas buscas realizadas na casa do ex-assessor especial da Presidência Rodrigo Rocha Loures, localizada em endereço nobre de Brasília, a Polícia Federal encontrou uma carta da Shell datada de 22 de março e dirigida ao presidente Michel Temer; documento leva a assinatura de Tiago de Moraes Vicente, encarregado das relações governamentais da multinacional na capital do país e filiado ao PMDB de Temer e Rocha Loures; informação é da coluna Expresso, da revista Época; carta é de 22 de março, duas semanas após ele deixar a função que ocupava no Planalto para exercer mandato na Câmara dos Deputados

Nas buscas realizadas na casa do ex-assessor especial da Presidência Rodrigo Rocha Loures, localizada em endereço nobre de Brasília, a Polícia Federal encontrou uma carta da Shell datada de 22 de março e dirigida ao presidente Michel Temer; documento leva a assinatura de Tiago de Moraes Vicente, encarregado das relações governamentais da multinacional na capital do país e filiado ao PMDB de Temer e Rocha Loures; informação é da coluna Expresso, da revista Época; carta é de 22 de março, duas semanas após ele deixar a função que ocupava no Planalto para exercer mandato na Câmara dos Deputados
Nas buscas realizadas na casa do ex-assessor especial da Presidência Rodrigo Rocha Loures, localizada em endereço nobre de Brasília, a Polícia Federal encontrou uma carta da Shell datada de 22 de março e dirigida ao presidente Michel Temer; documento leva a assinatura de Tiago de Moraes Vicente, encarregado das relações governamentais da multinacional na capital do país e filiado ao PMDB de Temer e Rocha Loures; informação é da coluna Expresso, da revista Época; carta é de 22 de março, duas semanas após ele deixar a função que ocupava no Planalto para exercer mandato na Câmara dos Deputados (Foto: Aquiles Lins)

247 - Nas buscas realizadas na casa do ex-assessor especial da Presidência Rodrigo Rocha Loures, localizada em endereço nobre de Brasília, a Polícia Federal encontrou uma carta da Shell datada de 22 de março e dirigida ao presidente Michel Temer.

O documento leva a assinatura de Tiago de Moraes Vicente, encarregado das relações governamentais da multinacional na capital do país e filiado ao PMDB de Temer e Rocha Loures. A informação é da coluna Expresso, da revista Época. A carta é de 22 de março, duas semanas após ele deixar a função que ocupava no Planalto para exercer mandato na Câmara dos Deputados.

A Shel é uma das maiores interessadas no pré-sal brasileiro. O presidente da Shell no Brasil, André Araújo, disse em entrevista ao Estadão que a empresa tem muito interesse no pré-sal brasileiro e que o "pré-sal é onde todo mundo quer estar". "O pré-sal bra­si­lei­ro, pe­la ge­o­lo­gia, é o lu­gar on­de to­do mun­do quer es­tar. É mui­to po­si­ti­vo", disse Araújo (leia mais). 

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247