Mello Franco: não são os cientistas os "maus brasileiros” que divulgam dados mentirosos sobre a Amazônia

O jornalista Bernardo Mello Franco destaca os novos ataques feitos por Jair Bolsonaro à divulgação de dados sobre o desmatamento na Amazônia ao afirmar que ““maus brasileiros” têm divulgado “números mentirosos” sobre a Amazônia”. Segundo Mello Franco, "ao que tudo indica, há “maus brasileiros” interessados em divulgar “números mentirosos” sobre a Amazônia. Não são os cientistas”

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Bernardo Mello Franco destaca que para Jair Bolsonaro “quem alerta para a devastação da floresta está a soldo de ONGs internacionais. Os avisos fariam parte de uma campanha maldosa, com o objetivo de manchar a imagem do país no exterior e que ““maus brasileiros” têm divulgado “números mentirosos” sobre a Amazônia”. 

“Na semana anterior, Bolsonaro já havia cobrado mudanças na divulgação dos números. O presidente disse que o diretor do Inpe deveria, por “responsabilidade e respeito”, consultar o “chefe imediato” antes de informar o que acontece na floresta”, relembra Mello Franco. 

“A ofensiva do governo contra o Inpe não se limita às palavras. Ontem Bolsonaro nomeou um coronel da Aeronáutica para chefiar o órgão federal. O escolhido tem currículo na área, mas sua gestão deve ser acompanhada com olhos vivos. Ao que tudo indica, há “maus brasileiros” interessados em divulgar “números mentirosos” sobre a Amazônia. Não são os cientistas”, afirma.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247