Membros do PCC são encontrados mortos no RN

Dois presidiários ligados ao Primeiro Comando da Capital (PPC) foram encontrados mortos, enforcados com lençóis, na noite deste domingo (25), dentro da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Região Metropolitana de Natal; dois detentos, que assumiram a autoria dos ataques, disseram para a polícia que os dois mortos queriam criar uma nova facção criminosa

Dois presidiários ligados ao Primeiro Comando da Capital (PPC) foram encontrados mortos, enforcados com lençóis, na noite deste domingo (25), dentro da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Região Metropolitana de Natal; dois detentos, que assumiram a autoria dos ataques, disseram para a polícia que os dois mortos queriam criar uma nova facção criminosa
Dois presidiários ligados ao Primeiro Comando da Capital (PPC) foram encontrados mortos, enforcados com lençóis, na noite deste domingo (25), dentro da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Região Metropolitana de Natal; dois detentos, que assumiram a autoria dos ataques, disseram para a polícia que os dois mortos queriam criar uma nova facção criminosa (Foto: Leonardo Lucena)

247 - Dois presidiários ligados ao Primeiro Comando da Capital (PPC) foram encontrados mortos, enforcados com lençóis, na noite deste domingo (25), dentro da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Região Metropolitana de Natal. 

De acordo com o delegado que investiga o caso, dois detentos assumiram a autoria dos homicídios. Segundo relato do Uol, eles disseram para a polícia que os dois mortos queriam criar uma nova facção criminosa. 

Um dos presos mortos, Lázaro Luís de França Ferreira, 34, conhecido com o Nego Lázaro, era apontado como um líder local do PCC, inclusive com passagem por presídio federal. Ele estava detido desde 2014 por crimes como assassinato, assalto e tráfico de drogas. A outra vítima era Shakespeare Costa de França, 24, o Sheik.

 

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247