Meningite tipo C mata mais dois na Bahia

Um funcionrio da rede hoteleira da Costa do Saupe estava internado e morreu na tarde de ontem; uma menina de 9 anos que no tem relao com o surto de Saupe, segundo a secretaria, morreu na tera-feira

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Brasil – A Secretaria de Saúde da Bahia confirmou hoje (22) mais duas mortes por meningite tipo C no estado. Um funcionário da rede hoteleira da Costa do Sauípe, onde foi registrado um surto da doença, estava internado em um hospital em Salvador e morreu na tarde de ontem (21). Uma menina de 9 anos, que não tem relação com o surto de Sauípe, segundo a secretaria, também morreu nessa terça-feira. No início do mês, três empregados da rede hoteleira da Costa do Sauípe morreram em consequência da doença.

Para evitar mais mortes e casos na região turística, pessoas que apresentavam sintomas da doença ou tiveram contato com doentes tomaram antibióticos. Desde que a medida foi adotada, não surgiram novos casos de meningite, de acordo com a Secretaria de Saúde. Empresários do setor hoteleiro e autoridades do governo acertaram uma vacinação em massa dos funcionários.

De janeiro até agora, a Bahia registrou 70 mortes por meningite. No mesmo período do ano passado, foram 87 mortos. Em nota, o Ministério da Saúde disse que os casos identificados na Bahia estão dentro do padrão. Segundo a pasta, a meningite é uma doença endêmica, ou seja, podem ser registrados casos durante todo o ano.

A meningite é uma inflamação das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Ela pode ser causada por bactérias, vírus e fungos. A transmissão ocorre por meio do contato direto entre pessoas que convivem em um mesmo ambiente, quando o doente expele gotas e secreções do nariz e garganta. Os sintomas são febre alta repentina, dor de cabeça intensa, vômito, náuseas, rigidez da nuca e manchas vermelhas na pele.

Há vacinas contra alguns tipos de meningite, disponíveis no calendário de imunização das crianças, grupo com maior risco de contrair a doença. Para se prevenir contra a meningite, a recomendação é que as pessoas evitem aglomerações e mantenham os ambientes ventilados, além de procurar um médico assim que surgir os primeiros sintomas.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247