Ministério Público requer cargo e salário de promotores

rgo ajuza ao civilpblica contra Leonardo Bandarra e Dborah Guerner em cumprimento deciso do Conselho Nacional do Ministrio Pblico Federal que condenou os dois perda dos cargos; eles so acusados de receber propina do escndalo de corrupo conhecido como Caixa de Pandora

Ministério Público requer cargo e salário de promotores
Ministério Público requer cargo e salário de promotores (Foto: Valter Campanato/ABr - 27.07.2011 e André Dusek/Agência Estado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O Ministério Público Federal no DF (MPF/DF) ajuizou ação civil pública requerendo a demissão do ex-procurador-geral de Justiça do DF, Leonardo Bandarra, e da promotora de Justiça do DF, Déborah Guerner. Na ação, proposta em 10 de fevereiro, o Ministério Público também pede o imediato afastamento de ambos das funções e a sustação dos vencimentos do cargo.

A ação foi ajuizada para dar cumprimento à decisão tomada pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) no final de 2011, após processo administrativo disciplinar que condenou Leonardo e Déborah à perda dos cargos. A legislação em vigor determina que os membros vitalícios do Ministério Público da União só poderão ser demitidos por decisão judicial transitada em julgado.

Os promotores foram acusados por Durval Barbosa de participar de pagamentos de propina descobertos em 2009, a partir de operação conhecida como Caixa de Pandora.

Informações do Ministério Público Federal

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247