Ministro da Ciência diz que gráfico usado em apresentação sobre medicamento é 'meramente ilustrativo'

O ministro da Ciência e Tecnologia do governo Jair Bolsonaro, Marcos Pontes, afirmou, na noite de segunda-feira, que o gráfico apresentado pela pasta que supostamente evidenciava a eficácia de um remédio contra a Covid-19 era "meramente ilustrativo"

(Brasília - DF, 14/04/2020) Palavras do Ministro da Ciência Tecnologia, Marcos Pontes.
(Brasília - DF, 14/04/2020) Palavras do Ministro da Ciência Tecnologia, Marcos Pontes. (Foto: José Dias/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Ciência e Tecnologia do governo Jair Bolsonaro, Marcos Pontes, afirmou, na noite de segunda-feira (19), que o gráfico apresentado pela pasta que supostamente evidenciava a eficácia de um remédio contra a Covid-19 era "meramente ilustrativo". A imagem que Pontes divulgou não apresentava dados que comprovassem a afirmação e era semelhante às disponíveis em um serviço de banco de imagens na internet. A reportagem é do portal G1.

"Enquanto isso, se contrairem covid, lembrem-se da conclusão dos estudos apresentada hoje. Isso é o importante", disse o ministro. "Nota: obviamente, como facilmente deduzido pelos eixos e pela fala da pesquisadora responsável, o gráfico da apresentação de hoje era meramente ilustrativo”, acrescentou.

As afirmações foram feitas após a assessoria do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) infirmar que "o gráfico usado no vídeo apresentado no evento de anúncio dos resultados dos ensaios clínicos com a nitazoxanida não faz parte dos dados do estudo e aparece apenas de forma ilustrativa", acrescenta a reportagem.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247