Ministro do STJ muda sentença após processo ser transferido para filho de colega

Após processo ser defendido por advogado filho de colega, o ministro Napoleão Maia, do STJ, alterou sua sentença sobre o caso; Maia decidiu reverter uma decisão tomada por ele mesmo e salvar o mandato de um prefeito do interior do Maranhão que havia sido condenado por desvio de verba pública; revelação foi feita pelo site BuzzFeed; o ministro do STJ ficou famoso após dizer que a "ira do profeta" recaísse sobre os delatores que o denunciaram por venda de sentenças

Ministros Napoleão Nunes Maia Filho e Tarcísio Vieira de Carvalho Neto durante sessão plenária do TSE para julgamento da Aije 194358. Brasília-DF, 08/06/2017 Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE
Ministros Napoleão Nunes Maia Filho e Tarcísio Vieira de Carvalho Neto durante sessão plenária do TSE para julgamento da Aije 194358. Brasília-DF, 08/06/2017 Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE (Foto: Charles Nisz)

247 - Após ter seu nome citado por delatores em contextos que podem envolver o crime de compra de sentenças, o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Napoleão Maia protagoniza agora mais um episódio turbulento, revelado pelo BuzzFeed nesta segunda (11).

Napoleão, "numa canetada só", decidiu reverter uma decisão tomada por ele mesmo e salvar o mandato de um prefeito do interior do Maranhão que havia sido condenado por desvio de verba pública. O cavalo de pau dado pelo ministro só ocorreu após o prefeito contratar o advogado Otávio Noronha para fazer sua defesa. Otávio é filho do colega de Napoleão no STJ, o ministro João Otávio de Noronha.

Quando citado por delatores, Napoleão fez um discurso desejando que a "ira do profeta" recaísse sobre aqueles que usam seu nome. E disse ainda que a ira do profeta era explicável com um sinal, registrado na imagem acima: o de uma cabeça sendo decepada. Recentemente, Veja revelou que João Otávio de Noronha aparece em comunicações da JBS, também em contexto de compras de sentenças judiciais organizadas por advogados da empresa.

Leia a íntegra no site do Jornal GGN

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247