Moro usa Antagonista para atacar lei de abuso de autoridade

O site O Antagonista publicou uma nota dizendo que a Lei de Abuso de Autoridade "já começou a neutralizar a atividade dos tribunais pelo Brasil", pois o Judiciário estaria deixando de punir criminosos por causa de um receio com o projeto. "Alertei para o risco do efeito inibidor", disse o ministro Sérgio Moro (Justiça)

Sérgio Moro - ministro da Justiça
Sérgio Moro - ministro da Justiça (Foto: Lula Marques)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Cada dia mais desgastado pelas revelações da Vaza Jato, Ooministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, agora usa uma matéria do site O Antagonista, porta-voz dele, para atacar o projeto sobre abuso de autoridade. 

“Leio na imprensa que juízes estão deixando de decretar a prisão preventiva de assaltantes de bancos e traficantes de drogas por receio de serem punidos pela nova lei de abuso de autoridade e após a derrubada dos vetos do Presidente”, escreveu Moro em seu Twitter. "Entendo o receio, alertei para o risco do efeito inibidor e não era essa a intenção do legislador com a nova lei. Mas o fato é preocupante. Para reflexão", acrescentou. 

Neste sábado (28), o site publicou uma nota dizendo que "a Lei de Abuso de Autoridade, que ainda nem entrou em vigor, já começou a neutralizar a atividade dos tribunais pelo Brasil".

O Antagonista também relembrou algumas matérias já publicadas pelo site, como uma intitulada "Juiz solta traficante por temer punição por abuso de autoridade".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email